ATRP: Novas regras nas inscrições dos atletas

1
Wanderlust 108: Muito mais do que uma corrida
4 October, 2017
22366260_1970594999845843_6087451548923120387_n
Arsénio Santos vence EstrelAçor
9 October, 2017
header

A partir de 2018, vai ser obrigatório enviar para a Associação de Trail Running de Portugal (ATRP) a lista dos atletas inscritos nas diferentes competições, informando a Associação que a partir do próximo ano não serão aceites quaisquer alterações depois de essas listas serem publicadas no myatrp.

Esta decisão surge na sequência das queixas de que existem incorreções nas classificações dos atletas, esclarecendo a ATRP, num comunicado, que se limita a “publicar ficheiros recebidos das organizações”.

“Todas as incorrecções que sejam detectadas nas classificações publicadas no myatrp devem ser reportadas aos organizadores dos eventos em causa, já que, na maioria das vezes se devem a dados incorrectos nos elementos enviados – número de associado errado ou ausente, número de cartão de cidadão errado ou ausente, que deve ser rectificado e reenviado para o suporte”, sustenta a informação.

A Associação relembra igualmente que os organizadores “devem sempre assegurar que na plataforma de inscrições das provas deve estar correctamente colocado o número de associado ATRP e o número de identificação (CC ou BI) igual ao que está na plataforma myatrp”, pois “sempre que haja diferença entre o que está no ficheiro recebido e nos dados que constam no myatrp, o sistema não reconhece o associado e não o integra nas classificações, já que o cruzamento de informação é feito por base nestes dois dados”.

A ATRP lança ainda um apelo aos organizadores para que enviem classificações para que sejam publicadas e para que todos os atletas possam saber em que posição estão relativamente à qualificação para a Final da Taça de Portugal de Trail, prova que se realizará nos Açores em Dezembro. “Nem todos o fizeram, pelo que voltamos a apelar que o façam”, salienta o comunicado.