Campeonato do Mundo: Gatlin tanto tentou bater Bolt nos 100 metros que conseguiu

20604197_1424424830939683_6907308427869312639_n
Campeonato do Mundo de Atletismo: Almaz Ayana campeã dos 10 000 metros
5 August, 2017
RoseChelimo
Rose Chelimo coloca o Bahrein na história dos campeonatos do mundo
6 August, 2017
JustinGatlin

Foto: IAAF

Foi ao centésimo de segundo que se viveu a final dos 100 metros no Campeonato do Mundo, com a tão aguardada despedida de Usain Bolt da competição. Depois de várias tentativas, o norte-americano Justin Gatlin, aos 34 anos, consguiu vencer o mais rápido do mundo, em 9s92′, deixando para trás o também favorito e norte-americano Christian Coleman, com 9s94′. “Estava na pista 8, não era a ideal, mas vim sempre em recuperação, acreditei sempre. Era algo que eu queria e nunca tinha conseguido. Agora bati o Bolt. Ele disse-me: ‘Parabéns, tu mereces’. Sabe que eu trabalhei no duro”, disse Gatlin na entrevista de rescaldo da prova à Eurosport.

A lenda Bolt termina, assim, a sua carreira nos 100 metros em terceiro lugar, com um tempo de 9s95′. “Não fiz uma boa partida. O Coleman saiu forte. Tentei, tentei, mas não deu. Acontece. Dei o meu melhor. O Gatlin foi o vencedor. Sabia que ele estava bem, estava forte”, resumiu Bolt no final em entrevista à Eurosport. O recorde do mundo, de 9s58′, fixado em 2009, continua a pertencer-lhe, sendo o melhor velocista da história até à data. Recorde-se que, apenas nos 100 metros, Bolt foi campeão olímpico em 2008, 2012 e 2016 e campeão do mundo em 2009, 2011, 2013 e 2015.

A despedida de Usain Bolt termina daqui a uma semana, a 12 de Agosto, nos 4×100 metros.