Ténis ou sapatilhas?

1024
Europeu de Selecções: Sara Moreira e Nélson Évora considerados não aptos
20 June, 2017
0b11f70ce39044079ef94b604d53a2b5
26 campeões olímpicos e mundiais confirmados para a Athletissima
21 June, 2017
sapatilhas

Decidi resolver, de uma vez por todas, a questão que mais divide todos aqueles que praticam, ou fingem praticar, desporto!

Sim, adivinharam: Diz-se ténis ou sapatilhas?

Li e ouvi várias versões. Umas davam contam que no Sul, ou para ser mais correcto, de Lisboa para baixo, embora existam relatos perfeitamente fidedignos, ou talvez não, que apontam a zona de Castelo Branco como utilizando a mesma designação, sapatilhas é o nome dado ao calçado de ballet e ténis será, portanto, o correcto, porque foi especificamente para esta modalidade que se fizeram os primeiros pares de… Pois. Isso!

Outras e, quase sempre mais vincadas, apontam as sapatilhas como o único termo que pode ser utilizado para designar… Sim. Isso! Acrescentam ainda que de Lisboa para cima, ou até, que só em Lisboa é que se chama ténis a… Isso. E a pergunta surge logo de seguida: “E quando corres chamas-lhes corridas?”

Tentei desfazer dúvidas através de uma viagem online por várias páginas, mas encontrei, em algumas delas, as duas designações para o mesmo artigo, com cores diferentes!

Não brinquem, que isto de chegar a uma loja preocupado com a expressão que devo usar sem ser olhado de lado pelo vendedor, evitando que me tente impingir o que não necessito, é algo difícil de gerir.

Seguem uns exemplos do que me aconteceu há alguns anos:

Eu: -“Bom dia. Quero uns ténis para trail running.”

O vendedor: -“Bom dia. Mas vai jogar onde mesmo?”.

Eu: -“Olá! Quero umas sapatilhas com um drop que absorva bem o impacto do alcatrão.”

O vendedor: -“Viva. Dança Hip-hop ou é outra coisa?”.

Depois disto assumi a expressão “calçado desportivo”, o que no meio de uma escalada gigante de, para aí e não querendo exagerar, uns valentes cinquenta metros, não é fácil de dizer e muito menos de ser entendido.

Durou, no entanto, pouco tempo, pois a maior parte das pessoas pensava que me referia aos sapatos “casual”. E a dificuldade que foi entender a que se referiam? Esta gente não é clara no que diz!

Um gajo não se pode ficar e fui à luta. Comecei a optar pela palavra “uns”, utilizando expressões parecidas com estas: “Quero uns para pronação ligeira”; “Comprei hoje uns para testar na zona da Pedreira, na Arrábida”; ou, mesmo, “tenho uns que me provocam muitas bolhas nos pés, o que aconselha?”

Mesmo assim, sendo tão claro na forma como me exprimo, tenho, por vezes, dificuldade em ser entendido e decidi experimentar o natural running! Afinal de contas, aí não terei problemas na escolha das sandálias, quer dizer, dos five fingers, ou dos…. Ténis ou das sapatilhas… ou o raio que os parta!

É descalço que vos trarei em breve o resultado da experiência da corrida natural.

A propósito, natural significa que vou sem camisola, t-shirt, singlet?