Wanderlust 108: Muito mais do que uma corrida

fsgfdsg
A nova vida do EstrelAçor
4 October, 2017
header
ATRP: Novas regras nas inscrições dos atletas
6 October, 2017
1

A capital portuguesa prepara-se para receber um evento original: o Wanderlust 108. Um triatlo mindful composto por uma corrida de cinco quilómetros, uma sessão de yoga ao ar livre e uma aula de meditação. Tem lugar no dia 8 de Outubro, em Belém.

T: João Ferreira Oliveira F: Cortesia da organização

Wanderlust 108 – Triatlo mindful. Para muitas pessoas estas expressões serão apenas uma série de estrangeirismos sem significado ou ligação entre si. Compreensível, até porque é um fenómeno recente – foi criado nos Estados Unidos há cerca de uma década –, embora não se trate de uma nova disciplina ou modalidade. O Wanderlust 108 é, acima de tudo, um evento, uma espécie de festival organizado pela empresa Wanderlust – produtora internacional de festivais com foco no yoga e na música – que este ano chega a Lisboa. Terá lugar no Campus da Fundação EDP, em Belém, numa área de 38 mil metros quadrados junto ao rio Tejo.

E no que consiste ao certo? Numa corrida de cinco quilómetros, uma sessão de yoga de 75 minutos e uma aula de meditação de meia hora. O tal triatlo mindful, que nada tem de competitivo, bem pelo contrário. Aqui ninguém celebra a conquista de troféus, mas a vida – os cinco quilómetros podem mesmo ser feitos a caminhar – estando as baterias apontadas para o bem-estar, com a organização a garantir boas energias e actividades durante todo o dia. Alimentam também o pouco secreto desejo de que, terminado o evento, fiquem lançadas as sementes para “uma comunidade com um estilo de vida mais saudável e consciente”.

Sessões acompanhadas

3Se não é preciso ser-se um grande atleta para participar, também não é preciso ser-se especialista em yoga ou um guru da meditação. Iniciados ou avançados, cada um poderá seguir o seu ritmo, todos devidamente acompanhados, até porque as sessões orientadas são uma das mais-valias do evento. A de yoga será liderada por Jean-Pierre de Oliveira e Filipa Veiga. O primeiro é mentor do projecto Yoga Spirit, já Filipa Veiga tem dividido a sua vida (de ensino) entre Portugal e o Bali. Rute Caldeira, professora e autora do livro Liberta-te de Pensamentos Tóxicos será responsável por guiar a meditação. O espírito de grupo, quase de comunhão, é outra das imagens de marca do Wanderlust 108. Desenganem-se, contudo, aqueles que pensam que o silêncio será de ouro. Haverá música ao vivo a acompanhar as sessões, com Ali Liberman, guitarrista e compositor israelita, e a DJ portuguesa Mary B. Será um evento baseado em disciplinas ancestrais, mas com alma cosmopolita. O tempo dirá se foi um fenómeno passageiro ou uma moda que veio para ficar.

Espírito festivaleiro

2O recinto abre às sete da manhã e fecha às 19h30, haverá por isso muitas actividades ao longo do dia. Numa zona denominada de Uncommons está prometida a presença dos mais conceituados estúdios de yoga luso. Hoop Dance (disciplina do novo circo que junta o hula-hoop à dança), yoga suspenso (uma linha criada e desenvolvida em Portugal por
Rui Oliveira Costa), hotpod yoga (prática de yoga dentro de um insuflável aquecido a 37 graus ou toga (yoga dos pés) são algumas das variantes que os participantes poderão experimentar. Haverá também um palco dedicado a palestras, conversas e workshops (palco Speakeasy) com especial enfoque na área da nutrição e alimentação saudável. Um mercado e uma zona de restauração também não poderiam faltar. Se no primeiro (Kula Market), haverá uma ampla oferta de produtos relacionados com o universo do yoga, corrida e meditação, na zona da restauração não faltará comida saudável, café orgânico e jardim de chá.

Que roupa levar?

Não há um dress code para participar no evento – recomenda-se roupa leve, confortável – se bem que a Adidas, patrocinadora do evento, tenha lançado recentemente uma linha de roupa desportiva feminina chamada X Wanderlust. Uma colecção de 25 peças composta por soutiens, tops, calças, casacos e malas com uma tecnologia que permite a “ventilação, conforto e liberdade de movimentos” está à venda na página da marca.

 

Horário

Abertura: 7h30

Kula Market: 7h30

Início de actividades: 8h00
Aquecimento para a corrida/caminhada: 8h45
Corrida: 9h00
Yoga: 10h30
Meditação: 12h00
Uncommons: 12h00-18h00
Speakeasy: 12h00-18:00
Kula Market: 19h00

Preço
Os bilhetes estão à venda em Eventbrite, Ticket Line, Worten, Fnac, El Corte Inglès, A.B.E.P. – a partir de 25 euros.

Quem organiza?
Organizado pela Soma Lisboa com a alemã Adidas

Próximos destinos
Quem gostar do conceito e quiser repetir (ou aqueles que não tiverem oportunidade de participar no evento lisboeta) não precisa de esperar que o Wanderlust 108 regresse à capital, uma vez que haverá réplicas um pouco por todo o mundo. Eis os próximos eventos até ao final do ano.
14 de Outubro: Houston (EUA)
15 de Outubro: Barcelona (Espanha)
21 de Outubro: Miami (EUA) e Camberra (Austrália)
22 de Outubro: Louisville (EUA)
28 de Outubro: Querétaro (México)
4 de Novembro: Nashville (EUA) e Puebla (México)
11 de Novembro: Austin (EUA)
25 de Novembro: Monterrey (México) e Auckland (Nova Zelândia)
2 de Dezembro: Buenos Aires (Argentina) e Christchurch (Nova Zelândia)
9 de Dezembro: Viña del Marde (Chile)