Estrada
Meia Maratona em Inglaterra desafia pandemia
16 março 2020
1 min
A prova, que teve lugar na cidade de Bath, em Inglaterra, decorreu este domingo, dia 15 de Março, e, em plena pandemia mundial devido ao surto do COVID 19, reuniu mais de 6 mil atletas.

Numa altura em que todo o calendário desportivo a nível global se encontra suspenso – sem previsão de quando poderá ser retomado -, na sequência da declaração de pandemia devido ao surto do novo coronavírus que se alastra por todo o mundo, a Meia Maratona de Bath, cidade do Sul de Inglaterra, confirmou a excepção à regra e realizou-se no dia 15 de Março com toda a normalidade.

Apesar de mais de metade dos inscritos não terem comparecido, a prova contou ainda com a presença de 6200 atletas e não estabeleceu qualquer tipo de distância entre os maratonistas que, nomeadamente, no momento da partida estavam com a normal proximidade verificada entre os participantes destas provas.

Como era de esperar, a organização do evento foi alvo de várias críticas e insultos, nomeadamente nas redes sociais, e defendeu-se alegando que a prova era considerada de baixo risco, tendo sido essa a opinião recolhida junto de instituições de saúde pública.

Este não é, porém, uma situação isolada em Inglaterra. Também no passado sábado, dia 14 de Março, teve lugar a Meia Maratona de Liverpool, desta feita com 2500 participantes. A justificação de não cancelamento foi similar: não foi essa a ordem recebida por parte das autoridades competentes.

Partilhar