Estrada
Maratona dos Mundiais: Salomé Rocha termina em 28.º lugar
07 outubro 2019
1 min
A portuguesa Salomé Rocha terminou hoje a Maratona dos Campeonatos do Mundo de Atletismo em 28.º lugar, numa prova marcada pela adversidade das temperaturas (mais de 30 º C) e da humidade (superior a 70%), que levou à desistência de 23 atletas, entre as quais a selecção da Etiópia.

A portuguesa Salomé Rocha, que até aos 15 quilómetros acompanhou o grupo da frente, foi uma das atletas forçadas a abrandar o ritmo devido ao impacto das condições acima descritas. Aliás, a atleta foi mesmo forçada a fazer algumas paragens, lançado a dúvida sobre se desistir seria a sua opção. Acabou por não o fazer, terminando em 28.º lugar, visivelmente desgastada, tal como muitas das suas colegas, com o tempo de 2h58m19s. A atleta de Vizela - que em entrevista à RUNning, em Julho, já tinha mostrado que desistir não fazia parte da sua atitude no desporto, embora se tivesse revelado apreensiva em relação a estes mundiais, por já ter mínimos para os Jogos de Tóquio, que são o seu grande objectivo - disse, no final desta competição: "Até aí fui-me sentindo bem, cumprindo bem nas passagens. O problema foi que a partir daí [dos 15 quilómetros] tudo foi piorando. Infelizmente não me foi possível controlar o ritmo para poder chegar mais à frente. A marca nunca me preocupou".

A mais forte nesta maratona foi a queniana Ruth Chepn’getich, com o tempo de 2h32m43s, à frente da campeã mundial em título, Rose Chelimo, do Bahrein, com 2h33m46s, e de Helalia Johannes, da Namíbia, com 2h34s15s.

Os resultados completos podem ser consultados aqui.

 

Partilhar