Estrada
Mundiais Doha: João Vieira conquista a primeira medalha para Portugal
07 outubro 2019
2 min
João Vieira conquistou a prata nos 50 km marcha dos Campeonatos do Mundo de Atletismo, em Doha, com a marca de 4h04m59s, tornando-se, aos 43 anos, no medalhado mais velho da história desta competição e no segundo atleta de sempre com participação em mais mundiais (11).

Foto: FPA

Decorreu ontem em Doha, no Qatar, os 50 km marcha dos Campeonatos do Mundo de Atletismo. Na emblemática Corniche, João Vieira conquistou a prata - a primeira medalha para Portugal nestes campeonatos - numa prova disputada com temperaturas a rondar os 31 ºC e uma humidade de 70%. O português cortou a meta em 4h04m59s, 39 segundos depois do novo campeão do mundo, o japonês Yusuke Suzuki. O bronze foi para o canadiano Evan Dunfee (4h05m02s).

Recorde-se que, aos 43 anos, João Vieira carimbou a sua 11.ª presença em campeonatos do mundo de atletismo, tornando-se no segundo atleta de sempre com mais presenças em mundiais. No entanto, em 11 edições esta foi a primeira vez que competiu durante a noite. No final, o atleta, que se tornou no medalhado mais velho da história dos mundiais, mostrou-se muito contente "pela conquista da medalha de prata", a sua melhor classificação em mundiais.  A vitória atribuiu-a a "muito trabalho" de uma equipa, da qual destaca a treinadora Vera Santos.

Com os Jogos Olímpicos de Tóquio já no próximo ano, é para lá que João Vieira volta agora a sua atenção. Quanto à continuidade da sua carreira, o atleta disse: "Era minha intenção terminar nos Jogos Olímpicos de Tóquio, mas vou ponderar fazer mais um mundial, para somar 12 ao currículo".

Mara Ribeiro em 15.º lugar. Inês Henriques abandona a prova

Do lado feminino, Inês Henriques, que defendia o título mundial, teve de ser medicamente assistida na segunda metade da prova, sendo forçada a abandonar a competição. Esta foi, de resto, uma situação comum nesta prova, com  7 desistências em 24 atletas, do lado feminino, e, do lado masculino, desistiram 11 dos 38 atletas que alinharam na partida.

Mara Ribeiro, na sua estreia em mundiais e segunda vez na distância, terminou no 15.º lugar, com o tempo de 4h58m44s. No final, a atleta resumiu: "Saio satisfeita, pois é o meu primeiro campeonato do mundo, e atendendo às circunstâncias de calor e de humidade, terminar já foi um feito."

A nova campeã do mundo é a chinesa e recordista da distância Rui Liang, que concluiu o percurso em 4h23m26s. A prata foi para a sua compatriota Maocuo Li (4h26m40s). A italiana Eleanora Giorgi conquistou o bronze, com a marca de 4h29m13s.

Partilhar