Breves
Covid-19: atleta completou maratona de Sevilha infectado
22 maio 2020
1 min
Apesar da tosse e fadiga, o espanhol Oscar Campos Guillén pensou que tinha uma gripe e correu cerca de 42km.

O caso remonta ao dia 23 de Fevereiro, aquando da realização da maratona de Sevilha. Apesar de na altura o novo coronavírus ainda não ser uma grande preocupação na Europa, o corredor Oscar Campos Guillén, natural de Barcelona, já estava infectado e, por não o saber, correu a maratona de Sevilha e completou-a com alguma dificuldade, devido à fadiga e tosse .

O atleta, que apesar da patologia conseguiu bater o seu recorde pessoal naquela distância com o tempo de 2:49m19s, confessa que praticamente ficou sem fôlego, mostrando-se exausto na chegada à meta.

Nos dias que se seguiram, Oscar Guillén ficou com febre durante três dias e acabou por infectar os seus dois filhos, pois só descobriu que estava infectado com Covid-19 quando realizou um teste na empresa em que trabalha e acusou positivo.

A maratona de Sevilha contou com a participação de mais de 20 mil pessoas.

oscar

Partilhar