Actualidade
Maratona Clube de Portugal lança sete corridas virtuais gratuitas
13 maio 2020
4 min
Com todas as provas adiadas para 2021, a organização decidiu lançar estes desafios alternativos, reconhecendo, no entanto, que o prejuízo dos protelamentos atinge os 50 milhões de euros, para a cidade de Lisboa.

Em resposta à proibição da realização dos eventos de participação em massa que levaram ao adiamento de todas as provas que o Maratona Clube de Portugal tinha agendadas para este ano, incluindo a maratona e a meia maratona de Lisboa, a entidade decidiu lançar uma série de sete corridas virtuais, com distâncias entre 5 a 10 km, que podem ser completadas em três dias e ser realizadas onde os participantes entenderem, desde que sejam respeitadas as regras de distanciamento social e de segurança impostas pelas Direcção-Geral da Saúde. Dado que também é possível participarem estrangeiros, nesse caso terão de ser respeitadas as “indicações dos responsáveis sanitários locais”, sublinhou Carlos Moia, presidente do Maratona Clube de Portugal, em videoconferência de imprensa.

Para estes sete desafios, a organização conta com o apoio dos seus parceiros, entres os quais a Câmara Municipal de Lisboa, que, desde logo, receberam muito bem a ideia. “Queremos ajudar os corredores a manter uma vida activa e um estilo de vida saudável, achamos que temos essa responsabilidade com a comunidade. E, para tal, contamos com a participação de todos os que não deixaram de correr apesar das limitações implementadas. Mais do que provas competitivas, queremos que estas representem um desafio saudável para os corredores se manterem ligados às provas de atletismo de estrada”, justificou o líder.

A EDP 10 K Virtual Race será a primeira prova a ser realizada, já no próximo dia 22 de Maio. Como o nome indica, a prova terá uma distância de 10 km que podem ser feitos nesse mesmo dia ou, por etapas, até dia 24.

A todos os participantes será dado um dorsal virtual (recebido por e-mail), um diploma de participação, também digital, e ofertas especiais fornecidas pelos parceiros, que serão enviadas por correio e cujos respectivos procedimentos ficarão também a cargo do Maratona Clube de Portugal. “Para participar, os interessados apenas têm que se inscrever na página criada para o efeito e receberão automaticamente o seu dorsal virtual. Uma vez concluída a distância proposta, o participante terá que fazer o upload do seu registo de participação a partir de qualquer aplicação para smartphones ou smartwatches. Após confirmação do registo, o participante receberá o seu diploma oficial por e-mail. Todas as informações e instruções estão disponíveis online”, indica o Maratona Clube.

Impacto económico da pandemia

O Maratona Clube de Portugal, como muitos outros organizadores de corridas, vai estar, no total, um ano e cinco meses sem provas. Apesar de afirmar que a entidade tem liquidez para sobreviver nesta situação até essa altura, Carlos Moia dá a conhecer os valores aproximados do prejuízo que esta situação acarreta: são menos cerca de 50 milhões de euros, em termos de retorno directo e indirecto, para Lisboa.

O presidente do Maratona Clube de Portugal reconheceu ainda que mesmo quando for possível realizar provas o número de participações vai certamente decrescer consideravelmente: “Enquanto não houver vacina, julgo que não existirão provas com milhares de pessoas, talvez com centenas e com vários cuidados, como blocos de partida para dez atletas, entregas de máscaras na meta, etc. Até porque costumávamos ter muitos participantes estrangeiros e agora há várias restrições às viagens”, explicou o líder.

Se está interessado em participar nas provas virtuais, carregue aqui.

Calendário das provas virtuais:

22 a 24 de Maio – EDP 10K Virtual Race

29 a 31 de Maio – Vodafone 5K Virtual Race

5 a 7 de Junho – Luso 10K Virtual Race

12 a 14 de Junho – Jogos Santa Casa 5K Virtual Race

19 a 21 de Junho – Renault 10K Virtual Race

26 a 28 de Junho – CME 5K Virtual Race

3 a 5 de Julho – Mimosa 10K Virtual Race

 

Leia também:

- Maratona Clube de Portugal adia provas para 2021

Partilhar