Actualidade
Federação de atletismo anuncia plano de retoma
17 junho 2020
2 min
A calendarização e os locais do primeiro período competitivo vão ainda ser revelados.

 

Depois da interrupção de todas as actividades e provas de atletismo forçada pela pandemia do novo coronavírus, a Federação Portuguesa de Atletismo (FPA) já definiu e apresentou o seu programa de retorno à competição, acompanhado de um plano de recomendações para os respectivos treinos e actividades.

De acordo com Jorge Vieira, presidente da FPA, este “é um programa de retoma progressivo, dividido por fases e focado em alcançar a normalidade desportiva e social", confessando, porém, que face às especificidades da pandemia este pode não ser definitivo. “Apesar de abrangente, é preciso realçar que a realidade que vivemos impõe inúmeros desafios e uma constante actualização de regras, normas e recomendações, por isso, sempre que justificável, as recomendações constantes neste documento serão actualizadas, em conformidade com as orientações emanadas dos órgãos decisores”, já que o documento teve em consideração as normas e recomendações das várias entidades nacionais e internacionais competentes e está de acordo com as orientações mais recentes da Direcção-Geral da Saúde (DGS) para a utilização de recintos desportivos e para a prática desportiva.

Confiante que os clubes “vão superar, progressivamente, as dificuldades resultantes desta paralisação da actividade social e económica”, Jorge Vieira considera ainda que este é o “momento e oportunidade para aprofundar o relacionamento do desporto federado com o desporto escolar”, sugerindo uma “cooperação sem precedentes”, medida que, defende, “não pode ser mais adiada”.

O documento da retoma foi elaborado pela direcção da FPA juntamente com a direcção técnica nacional, tendo contado ainda com o contributo dos directores técnicos regionais e dos treinadores de cada sector.

Ainda hoje dia 17 de Junho, a FPA revelou que vai divulgar a calendarização e os locais do primeiro período competitivo, que se inicia já no próximo sábado, dia 20 de Junho, com o sector de lançamentos.

De salientar que o programa não apresenta nenhuma solução no âmbito da realização de corridas populares.

 

Leia também:

Partilhar