Actualidade

Atletas brasileiros partem hoje para treinar em Portugal

17 julho 2020
2 min
Entre Julho e Dezembro, são cerca de 200 os atletas brasileiros que viajam para Portugal para se prepararem para os Jogos Olímpicos do próximo ano em Tóquio.

A “Missão Europa”, como foi apelidada, vai enviar cerca de 200 atletas brasileiros para treinarem em Portugal, entre os meses de Julho e Dezembro, e, assim, conseguirem preparar-se para as próximas olimpíadas.

O primeiro grupo de atletas, das equipas de boxe, judo, natação artística e natação, partem para território português já esta sexta-feira, 17 de Julho. "Tendo em conta a mobilização e comprometimento de todos, oferecemos esta excelente oportunidade aos atletas brasileiros, que terão, assim, óptimas condições de treino e toda a segurança para retomar a preparação para os Jogos Olímpicos de Tóquio", disse o presidente do Comité Olímpico Brasileiro – COB, Paulo Wanderley, deixando ainda um agradecimento ao Comité Olímpico português: "Somos muito gratos pelo apoio fundamental do Comité Olímpico de Portugal, através do seu presidente José Manuel Constantino, que não poupou esforços com as autoridades locais para tornar possível a nossa entrada no país neste momento".

Os atletas brasileiros vão treinar em Rio Maior (complexo desportivo que vai receber a maioria das modalidades), Coimbra, Sangalhos e Cascais.

Todos os membros da delegação brasileira são testados até 72 horas antes da partida, repetindo o procedimento assim que chegam a Portugal, com um período de isolamento de 48 horas também definido para ser implementado à chegada.

"Esta é uma acção que representa a retoma do treino, depois de um período de inactividade muito difícil para nossos atletas. A COB, as federações e os clubes tentaram prestar todo o apoio possível e agora nossos esforços estão focados em oferecer as melhores condições para treino, sem abrir mão da segurança e preservar a saúde", revelou o COB.

Portugal foi selecionado devido ao seu progresso com a pandemia de coronavírus, já que o Brasil é o segundo país do mundo mais atingido pela pandemia. Apesar disso, o COB pretende reabrir o centro de treino da selecção brasileira no Rio de Janeiro no final do mês.  

Partilhar