Trail

Andorra Ultra Trail Vallnord 2020: inscrições já abertas

14 novembro 2019
4 min
De 7 a 12 de Julho Ordino volta a receber o incontornável Andorra Ultra Trail Vallnord, com 3500 lugares disponíveis para as diferentes provas. As inscrições já estão abertas e são mais baratas até 31 de Dezembro.

Foto: AUTV/Guillem Casanova

As inscrições no Andorra Ultra Trail Vallnord, prova que se realiza em Ordino, nos Pirinéus, com data marcada para o próximo ano de 7 a 12 de Julho, estão abertas e com um preço promocional até 31 de Dezembro. Só nas primeiras 24 horas já foram recebidas pela organização mais de 400 inscrições, de atletas de 25 países, num total de 3500 disponíveis para os vários percursos. Este ano, aquando da inscrição, os participantes podem escolher doar um valor para uma de três Organizações Não-Goveramentais: Autea; Palhaços sem Fronteiras; e Cruz Vermelha Andorrenha

Em 12 edições, a organização destaca a presença de atletas de 78 nacionalidades, sendo que, no ano passado, a prova contou com 51, num número recorde de participantes, que chegou aos 3338. Os países mais representandos são a Espanha, França, Portugal e o Japão, que todos os anos participam com grandes comitivas, mas há também cada vez mais atletas da Nova Zelândia, da Tailândia ou da Colômbia.

"A natureza espetacular das montanhas e da paisagem, a variedade de terrenos e a diversidade de distâncias e desníveis oferecidos, bem como a atmosfera familiar e convidativa", são os predicados destacados que, nas palavras da organização, explicam o facto de o AUTV se ter tornado num "um evento essencial para muitos entusiastas da montanha".

Cinco percursos de corrida e duas caminhadas

Pelo quarto ano consecutivo, a maior e mais longa distância será a Eufòria, com 233 km e 20 000 metros de desnível positivo, numa corrida realizada em semi-autonomia e em equipa. No ano passado, a prova foi ganha pelos primos José Manuel Rodríguez e Mario Rodríguez, que concluíram o percurso em 67h29m28s. Este ano há 150 vagas disponíveis.


A Ronda dels cims é a prova principal, com 170 km e 13500 metros de desnível positivo, que passa por 16 picos, situados a mais de 2400 metros, que vão permitir disfrutar de vistas panorâmicas, áreas minerais, pastagens de alta montanha, florestas e lagos glaciares. No ano passado, Silvia Ainhoa Trigueros bateu o recorde na categoria feminina, com o tempo de 34h21m23s, enquanto Sergio Luís Tejero, do lado masculino, ficou a 20 segundos de bater o recorde do percurso. Estão disponíveis este ano 450 lugares.


Já o percurso Mític, com 112 km e 9700 metros de desnível positivo permite chegar a cumes com vistas panorâmicas; com partes mais técnicas por secções rochosas. Na última edição, a vitória foi da andorrenha Sabrina Solana. Víctor del Águila venceu a geral, com apenas 24 anos. Este ano podem disfrutar do percurso 500 atletas.


O clássico Celestrail, com 80 km e 5000 metros de desnível positivo, foi ganho no ano passado pelo português da Salomon/Suunto, Tiago Romão. Já ao lugar mais alto do pódio feminino chegou Claudia Tremps. Este ano há 500 lugares disponíveis.


Segue-se a Marató dels cims, com 42,5 km e 3400 metros de desnível positivo, que permite descobrir o Valls del Nord. O catalão Albert Escales conquistou a vitória no ano passado, juntamente com a neozelandesa Caitlin Fielder. Esta prova tem 750 inscrições disponíveis.


Além das corridas, há também duas caminhadas com percursos acessíveis, dando a famílias e pessoas de todas as idades a oportunidade de se aproximarem das montanhas e da natureza. Falamos do Solidaritrail (10 km com 750 metros de desnível positivo) e do Tamarro (2,5 km com 50 metros de desnível positivo), com 700 e 400 inscrições disponíveis, respectivamente.


Mais informações e inscrições aqui.

 

 

Partilhar