Trail
Windmills Trail: Graciosa recebe final da Taça de Portugal este Sábado
21 novembro 2019
2 min
A Graciosa, nos Açores, recebe este fim-de-semana a final da Taça de Portugal de Trail, numa primeira prova com o cunho Azores Trail Run nesta ilha. São 40 km com 1760 metros de desnível positivo, numa homenagem aos moinhos tradicionais da Graciosa. O evento inclui em simultâneo uma prova aberta.

A final da Taça de Portugal volta a ser disputada nos Açores, desta vez na ilha Graciosa, uma das poucas do arquipélago que ainda não tinha recebido nenhuma prova organizada pelo Azores Trail Run. O Windmills Trail, prova que homenageia os moinhos típicos da Graciosa, acontece já este Sábado, 23 de Novembro, e, tal como no ano passado, em paralelo com a competição oficial, haverá também uma prova aberta para atletas não qualificados para a final.

Para o coordenador do Azores Trail Run®, Mário Leal, o facto de a Associação de Trail Running de Portugal (ATRP) ter escolhido os Açores, pelo segundo ano consecutivo, como palco da final da Taça de Portugal de Trail é, para além de motivo de grande orgulho, prova de que a modalidade tem todas as condições para se afirmar com padrões de excelência na região. “Desde que criámos a marca Azores Trail Run®, há cerca de 5 anos, que temos conseguido, com muito trabalho, mostrar que os Açores têm as condições ideais para a prática do trail, rivalizando com os melhores locais do país e do mundo”, refere.

O percurso terá uma extensão de 40 km e um desnível positivo de 1760 metros, com partida e chegada na Praia de Santo Amaro, percorrendo a parte do litoral da Graciosa, com passagem por alguns dos pontos mais emblemáticos da Ilha, como as Termas do Carapacho ou a Furna da Maria Encantada. A disputar a taça estarão os apurados através da prova Campeonato Nacional de Trail (10 primeiros masculinos e femininos), portanto, na época passada, nos 37 km do Grande Trail Serra D’Arga, em Setembro; através dos cinco circuitos regionais (10 primeiros masculinos e femininos); através do circuito distrital homologado (Leiria – três primeiros); e ainda através do circuito nacional de trail.

Entre os principais nomes, destacam-se o faialense Dário Moitoso, do CIAIA; Bruno Silva, da Oralklass Amigos do Trail; Bruno Sousa, da Furfor Running Project; Luís Fernandes, do Clube Praças da Armada; ou Luís Semedo, do ACP Portalegre/UTSM. Do lado feminino, a recém-mamã Tuxa Negri, da Arrábida Trail Team, está de regresso à competição. Destaque também para Paula Soares, da AD Amarante. De referir ainda a presença no open do ultramaratonista Carlos Sá.

Acompanhe a competição aqui.

 

 

 

Partilhar