Trail
Melgaço Alvarinho trail com inscrições abertas
02 janeiro 2020
2 min
As inscrições para o Melgaço Alvarinho Trail (MAT), competição que se realiza a 24 de Maio, e que este ano integra os circuitos nacionais de trail, na série 100, e de trail ultra, na série 150, estão abertas. No ano passado o evento recebeu mais de 1700 atletas.

Foto: Matias Novo |2019

“Adrenalina, aventura, descoberta, superação, conquista” são as palavras que, na opinião da organização, a cargo da Melsport E.M., melhor descrevem o Melgaço Alvarinho Trail, que este ano se realiza a 24 de Maio, novamente com o apoio da Câmara Municipal de Melgaço, da Associação Trail Running de Portugal (ATRP), da Associação de Atletismo de Viana do Castelo, da Solopisadas e da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Melgaço.

À sexta edição, a prova que no ano passado juntou mais de 1700 atletas nacionais, mas também oriundos de Espanha, entra para os circuitos nacionais de trail e de trail ultra da ATRP, respectivamente, nas distâncias de 26 km com 1350 metros de desnível positivo, e de 48 km com 2150 metros de desnível positivo. O evento inclui ainda um trail curto, de 18 km com 780 metros de desnível positivo, e uma caminhada de 15 km.

Independentemente da distância escolhida, a promessa da organização é a de “palmilhar acima e abaixo montanhas, regatos, moinhos, pontes; ver as ‘cachenas’ e os ‘garranos’ a pastar sob o olhar atento do cão de Castro Laboreiro, paisagens pura e simplesmente edílicas”. Já em relação aos pontos-altos do percurso, a organização enumera: “Desde as Pesqueiras Milenárias do Rio Minho, caminhos e pontes romanas, aldeias típicas, trilhos fabulosos, paisagens deslumbrantes sobre os vales dos rios Minho, Trancoso e Mouro, sobre a vizinha Espanha até ao Planalto Castrejo onde se encontram dezenas de Dolmens, contamos também com o Parque Nacional da Peneda Gerês, onde se encontra a Porta de Lamas de Mouro.”

Depois do desafio superado será hora de provar a gastronomia local. Neste campo, a organização sugere: “Lampreia do Rio Minho, que é um peixe pré-histórico muito apreciado pelo seu sabor; cabrito criado nas montanhas do concelho; sem esquecer o nosso fumeiro certificado de excelência.” Claro que será tudo bem regado. Ou não estivéssemos em terras de Alvarinho.

As inscrições já estão abertas e podem ser realizadas aqui.

Partilhar