Trail
André Rodrigues e Mariana Machado campeões nacionais de trail ultra
01 fevereiro 2020
5 min
André Rodrigues, Prozis Athlete, e Mariana Machado, da Oralklass/Amigos do Trail, venceram hoje os 55 km dos Trilhos dos Abutres, tornando-se campeões nacionais de trail ultra. Em entrevista à RUNning, destacaram a dureza do percurso e falaram sobre os seus objectivos para esta época.

Texto e fotos: Vanessa Pais

André Rodrigues, Prozis Athlete, venceu os 55 km dos Trilhos dos Abutres, em 5h17m32s, e sagrou-se Campeão Nacional de Trail Ultra pela quarta vez. Esta é a terceira vitória do Prozis Athlete na prova que este ano comemora a sua 10.ª edição e que contou com a participação de todos os que já a venceram. Apesar de conhecer bem a prova, André Rodrigues recordou, em entrevista à RUNning, que o percurso foi diferente, “num misto entre o traçado do Campeonato do Mundo de Trail e o que costuma ser o dos Trilhos dos Abutres, mas com uma parte nova”, classificando-o como “demasiado duro”.

Quanto à sua prestação, André Rodrigues confessou que teve de “ultrapassar alguns problemas durante o percurso”, tendo pensado até que poderia ter de abandonar o mesmo, mas tal acabou por não acontecer e o Prozis Athlete conseguiu, após o abandono no Campeonato do Mundo, no ano passado, concluir a prova em primeiro lugar, saltando literalmente por cima da fita da meta, como já vem sendo uma imagem de marca do campeão nacional de trail ultra nesta competição.

Este ano, o atleta, que já tinha começado o ano a vencer, no Trail da Boa Ventura, a 12 de Janeiro, na ilha da Madeira, no arranque da ATRP Pro League, tem como principal objectivo “a participação no circuito internacional Salomon Golden Trail World Series, iniciando a sua prestação na mítica Zegama-Aizcorri, em Espanha, a 24 de Maio, por onde passam nomes como Stian Angermund-Vik ou Kilian Jornet. “Esta prova é um sonho para mim. Já participei, mas caí e tive de abandonar. Nunca mais deixei de pensar nesta prova”, confessou.

O título de vice-campeão de trail ultra foi conquistado por Bruno Silva, da Oralklass Amigos do Trail, com a marca de 5h31m30s. João Cruz, da Trail Team Bifase, conquistou o terceiro lugar com o tempo de 5h37m10s. E foi precisamente a equipa que este último atleta representa a vencedora do título de equipa campeã nacional de trail ultra. Além do terceiro lugar de João Silva, contaram também para esta vitória as prestações de Nuno Silva (4.º lugar) e de Leonel Cunha (8.º lugar).

Do lado feminino foi Mariana Machado, da Oralklass/Amigos do Trail, quem conquistou o título de Campeã Nacional de Trail Ultra. A atleta, que iniciou a sua prestação no trail há pouco mais de dois anos e conta já com uma internacionalização pela selecção nacional de trail, precisamente no palco dos Trilhos dos Abutres, no ano passado, gastou 6h30m21s para cumprir os 55 km. No final disse à RUNning que o seu sucesso na corrida deve-se ao facto de ter encontrado “a equipa certa, a família certa, o treinador certo, os grupo de treino certo e as pessoas certas”.

MarianaMachado_Abutres

A atleta da Oralklass/Amigos dos Trail concordou com o vencedor masculino, André Rodrigues, quanto à dureza do percurso, acrescentando que “não estava à espera de partes semelhantes a skyrunning e com tantas pedras e lama”, como encontrou. “Mas tudo é possível, quando se acredita e treina”, rematou Mariana Machado, que se vai dedicar nesta época aos circuitos nacionais, estando na luta pelas vitórias no novo circuito ATRP Pro League. O Louzantrail, na distância de 29 km, está também no calendário desta atleta, que fará assim a sua estreia no circuito ibérico Golden Trail National Series Portugal-Espanha.

Em segundo lugar cortou a meta Mary Vieira, Prozis Athlete, com o tempo de 6h32m53s. E em terceiro lugar classificou-se Paula Barbosa, da Oralklass/Amigos do Trail, com o tempo de 7h05m40s. Com a chegada da sua colega de equipa, quarta classificada, Nádia Casteleiro, a Oralklass/Amigos do Trail tornou-se na equipa campeã de trail ultra, do lado feminino.

João Lopes e Susana Rodriguez vencem os 30 km

João Lopes, da equipa Coimbra Trail Running, venceu os 30 km dos Trilhos dos Abutres, em 2h55m19s, retirando 32 segundos ao tempo de Romeu Gouveia em 2018 [no ano passado esta distância não se realizou devido ao evento acolher o Campeonato do Mundo de Trail]. A vitória foi discutida quase ao sprint com o australiano Andrew Obrien, a competir pela equipa Arrábida Trail Team, que ficou na segunda posição, com o tempo de 2h55m39s. A fechar o pódio, no terceiro lugar, classificou-se Joel Gomes, da Go Runners/Outprostore, com a marca de 2h58m05s.

Entre as mulheres, a mais rápida foi Susana Rodríguez, da equipa Coimbra Trail Running, que percorreu os 30 km em 3h34m29s. Em segundo e terceiro lugares, respectivamente, classificaram-se Andreia Almeida, da Furfor Running Project, com o tempo de 3h48m23s, e Liliana Marques, da Zona Alta Trail, com o tempo de 3h50m25s.

As classificações completas podem ser consultadas aqui.

Partilhar