Outras modalidades
Patrícia Mamona conquista prata em Berlim
02 setembro 2019
1 min
Patrícia Mamona conquistou o segundo lugar do triplo salto no Meeting de Berlim, este fim-de-semana, com a marca de 14,18 metros. Em Espanha e na Suíça também houve portugueses a dar que falar.

Foto: FPA

Depois do sexto lugar na semana passada na final do triplo salto feminino da Liga Diamante, a recordista nacional da disciplina, Patrícia Mamona, brilhou ontem no Meeting de Berlim ao conquistar o segundo lugar. A atleta do Sporting Clube de Portugal saltou 14,18 metros, tendo sido apenas batida pela jamaicana Shanieka Ricketts – vencedora da Liga Diamante -, que fez 14,63 metros.

André Pereira à beira do pódio, em Espanha

Este fim-de-mana decorreu também o Campeonato de Espanha, que contou com a participação portuguesa. André Pereira, do Sport Lisboa e Benfica foi quarto nos 3000 metros obstáculos, prova que correu em 8m50s47′. O vencedor foi o espanhol Fernando Carro, com a marca de 8m45s88′.

Francisco Belo e Tsanko Arnaudov em 4.º e 5.º lugar na Suíça

No plano das prestações internacionais dos portugueses é de salientar também os quarto e quinto lugares, no lançamento do peso, alcançados ontem, em Bellinzona, na Suíça, por Francisco Belo e Tsanko Arnaudov, ambos do Sport Lisboa e Benfica. Francisco pelo lançou o peso a 20,19 metros de distância enquanto Tsanko Arnaudov alcançou com o seu lançamento menos dois centímetros (20,17 metros).

À frente dos atletas nacionais ficaram o campeão nacional da disciplina nos Estados Unidos, Ryan Crouser, que, com 22,28 metros conquistou o terceiro lugar; o nigeriano campeão de África, Chukwuebuka Enekwechi, com a marca de 21,44 metros, no segundo lugar; o polaco Michal Haratyk, campeão europeu de pista coberta, que com o lançamento de 20,69 metros sagrou-se vencedor desta competição.

Partilhar