Outras modalidades
Português desafia-se a correr 7 maratonas em 7 dias
17 abril 2020
2 min
Superar-se e motivar outros atletas, que nesta altura de isolamento não podem fazer os seus treinos habituais, foram as principais razões que levaram Bruno Maia a decidir correr sete maratonas em sete dias na passadeira, onde ainda impôs o limite de quatro horas para cada prova diária.

Foto: Maria Loureiro Fotografia

Bruno Maia, de 44 anos, é militar de profissão, mas a corrida, e nomeadamente a ultradistância, representa muito mais do que um passatempo na sua vida, pois é uma paixão que o segue há mais de uma década.

Apesar de apenas ter começado a correr na passadeira durante este período de quarentena, e depois de se ver impedido de fazer as suas corridas diárias no exterior e de participar nas provas para as quais há muito se preparava – como a 24 Horas a Correr em Mem Martins e a PT281, que permanece agendada para Julho –, o atleta português teve a ideia de promover o desafio de correr uma maratona por dia durante sete dias, ou seja, um total de sete maratonas indoor durante uma semana. Os objectivos são simples: motivar-se a si e motivar os cibernautas que podem assistir à prova através de live streaming.

“Essencialmente quero com estas sete provas superar-me e provar que tudo é possível, mesmo na situação preocupante de pandemia e de isolamento social que nos encontramos”, confessou Bruno Maia à RUNNING Magazine.

O dia 20 de Abril vai marcar o arranque das maratonas que vão decorrer durante sete dias consecutivos e têm início sempre pelas 10h00 e término pelas 14h00, já que Bruno Maia impôs ainda o limite de quatro horas por cada maratona realizada.

“Esta é uma forma de tornar o desafio ainda mais difícil e aliciante, pois correr tantos quilómetros na passadeira pode acabar por ser monótono”, justifica.

Ainda para manter a dinâmica numa prova indoor realizada sempre no mesmo ambiente, Bruno Maia realizará directos antes, durante – de hora a hora – e no final de cada maratona, em jeito de análise diária.

Para mais informações ou assistir às provas, visite a página de Facebook e de Instagram de Bruno Maia.

Bruno Maia

Partilhar